Notícias & Pesquisas

Avaliação dos supermercados paranaenses em tempos de pandemia

Avaliação dos supermercados paranaenses em tempos de pandemia

Com o surgimento da pandemia causada pelo novo coronavírus (COVID-19), os supermercados vêm enfrentando novos desafios para garantir a saúde de seus clientes e também de seus colaboradores.

Diante deste cenário, o Grupo Datacenso em parceria com a APRAS – APRAS – Associação Paranaense de Supermercados, realizou uma pesquisa com 3.453 consumidores paranaenses, no período de 3 a 7 de julho de 2020, para analisar o impacto do coronavírus (COVID-19) nos hábitos de compra dos paranaenses e a qualidade dos serviços prestados nos supermercados.

A leitura dos resultados deve considerar a margem de erro de 2%, considerando um grau de confiança de 95%, sendo satisfatório para uma análise estatística.

O recente estudo realizado pelo Grupo Datacenso mostra que 58% dos paranaenses estão indo ao supermercado semanalmente, 23% quinzenalmente, 8% mensalmente, 6% diariamente e 5% em outros períodos. E 63% afirmam que a frequência com que vão ao supermercado diminuiu devido à pandemia.

Na avaliação dos supermercados, no geral, em relação aos cuidados e prevenção orientados pelo Ministério da Saúde, 41% dos entrevistados classificam esses cuidados como bom, seguido de 25% como ótimo, 21% regular, 7% ruim e 5% péssimo. Nesse caso, o grau de satisfação, entre bom e ótimo foi de 66%, abaixo do mínimo desejado (80%). Existe diferença significativa nesse índice por supermercado.

Segundo a pesquisa, no geral, a maioria afirma que o supermercado que frequenta está tomando algumas medidas corretas em relação à pandemia do coronavírus. O resultado varia de acordo com cada supermercado.

A nova rotina de pandemia ampliou a possibilidade de fazer as compras de supermercados no formato on-line, sem precisar sair de casa, porém, a maior parte dos entrevistados afirma não ter utilizado aplicativos para fazer suas compras. Mas, dos 22% que utilizaram, 65% disseram que foi a primeira vez.

Portanto, o paranaense não tem o hábito de fazer suas compras de mercado por aplicativo.

Segundo o estudo, a maioria dos paranaenses (53%) está parcialmente em quarentena. Outros 44% ainda estão em quarentena e 3% voltaram ao normal.

Durante a pesquisa também foi identificado que o supermercado é o lugar que os paranaenses se sentem mais seguros em frequentar com a pandemia de coronavírus. Em segundo lugar citam parques, seguido pelo comércio em geral.

Confira o relatório completo abaixo de acordo com as perguntas feitas para os entrevistados:  

RELATÓRIO SUPERMERCADO – 20072020

Comentários

Entre em contato